MENU TOPO

A Guerra dos Pontos

Voltar

A Guerra dos Pontos

28-novembro-13   CARLOS ARRUDA

Arquiteto, web designer, enófilo, professor, consultor e autor de artigos sobre vinhos, criador e diretor do site Academia do Vinho.

O sistema de pontua��o de vinhos, isto �, atribuir uma nota a um vinho para representar sua qualidade, j� existe h� algum tempo, mas recentemente esse crit�rio atingiu a grande maioria dos consumidore, criando uma situa��o ao mesmo tempo vantajosa e perigosa. Explico.

Tudo come�ou com o advogado americano Robert Parker, que, ap�s se encantar com os vinhos franceses, enveredou pelo assunto e n�o saiu mais. Reputado entre os amigos por seu conhecimento, todos solicitavam suas dicas de bons vinhos, a ponto de ele fazer uma lista que distribu�a a todos. A coisa evoluiu, Parker come�ou a dar notas aos vinhos que degustava e a public�-las, mantendo-se isento do circuito comercial, e o mercado absorveu isso em grande velocidade.

Hoje Robert Parker � uma celebridade mundial e suas notas podem enriquecer ou destruir uma vin�cola, pois o mundo fica atento �s notas com a sigla RP. Que bom, n�o �? Basta olhar a nota e voc� tem a medida da qualidade do vinho, certo? Sim e N�o.

A partir da virada do s�culo, muito se falou da �parkeriza��o� dos vinhos, as vin�colas produzindo vinhos encorpados, com presen�a importante de barricas francesas, para agradar ao rei. Parker nega tudo isso, declara n�o estar preso a um estilo, mas a profus�o de vinhos �top� com esse exato estilo s� faz crescer...

Nem s� de Parker vive o mundo, temos outros, aqui os mais prestigiados:

WS � Revista Wine Spectator, USA

WE � Revista Wine Enthusiast, USA

DEC � Revista Decanter, Inglaterra

JR � Jancis Robinson, Avaliadora independente, Inglaterra

GR � Guia Gambero Rosso, It�lia

RV � Revista de Vinhos, Fran�a

GH � Guia Hachette, Fran�a

JP � Jo�o Paulo Martins, Avaliador independente, Portugal

Ok, � bom ter uma refer�ncia quando se � leigo, facilita nossa escolha ou pelo menos serve de balizamento para avaliarmos se um vinho vale o que custa. Mas ser� que vou gostar muito de um vinho de nota 95, ou 100? Lembre-se que acima de 92-93 pontos os pre�os podem explodir...

Falei em perigo, explico tamb�m: Em toda avalia��o de vinhos sempre existir� um componente pessoal, de prefer�ncia, e isso poderia afetar um julgamento puramente t�cnico. Os profissionais desenvolvem conhecimento e isen��o para evitar isso, mas h� um limite humano. � a minha opini�o, ok? Prefiro uma avalia��o de um grupo, de onde se tira uma m�dia, � mais consensual.

Sem acusar ningu�m - mas j� houve vazamentos sobre isso - um cr�tico influente pode ser seduzido para opinar positivamente sobre um vinho, o que afetaria a avalia��o pura e simples, concordam?

Com a modernidade das redes sociais, as opini�es privadas para um grupo de amigos v�m se tornando importantes, sendo totalmente v�lidas para um grupo, com as ressalvas comerciais...

Surgiram tamb�m v�rias empresas na Internet, com sites de avalia��o onde as opini�es s�o contabilizadas e formam um nota global, o que descarta uma opini�o pessoal, claro.

Por�m... problemas existem: O aplicativo ViVino permite tirar uma foto do r�tulo e ter acesso imediato a informa��es sobre o vinho, com notas m�dias calculadas a partir da opini�o... de todo mundo que quiser opinar! Exemplo: o vinho de mesa Can��o tem nota 4 (o m�ximo � 5) J� encontrei grandes Bordeaux com nota 1,5... Nada contra o Can��o nem contra opini�es, s� quero alertar para n�o valorizarmos tanto as notas! Elas s�o uma refer�ncia, n�o uma verdade absoluta.

Deixo aqui um frase interessante de Mark Twain, famoso escritor americano:

�There are no standards of taste in wine... Each man`s own taste is the standard, and a majority vote cannot decide for him or in any slightest degree affect the supremacy of his own standard.� ~ Mark Twain

�N�o h� padr�es na degusta��o do vinho... O paladar de cada pessoa � o padr�o, e um voto de maioria n�o pode decidir por ele, ou pelo mais leve grau afetar a supremacia de seu pr�prio crit�rio�.

Leiam as notas, comparem os pre�os, mas provem os vinhos e descubram sua prefer�ncia.

Um �timo Natal a todos, com vinho, amizade e alegria.

© 1997-2018 Academia do Vinho
Aprecie o vinho com moderação
Nenhuma reprodução, publicação ou impressão de textos ou imagens deste site está autorizada